Translate

Pessoas Inteligentes

domingo, 6 de setembro de 2015

Deus e o seu povo

Salmo 78.1-31 (Bíblia Sagrada)

Meu povo, escute o meu ensino e preste atenção no que estou dizendo!
Pois falarei com vocês por meio de provérbios e explicarei os segredos do passado.
São coisas que ouvimos e aprendemos, coisas que os nossos antepassados nos contaram.
Não as esconderemos dos nossos filhos, mas falaremos aos nossos descendentes a respeito do poder de Deus, o SENHOR, dos seus feitos poderosos e das coisas maravilhosas que ele fez.
O SENHOR deu leis ao povo de Israel e mandamentos aos descendentes de Jacó.
Ordenou aos nossos antepassados que ensinassem essas leis aos seus filhos para que os seus descendentes as aprendessem, e eles, por sua vez, as ensinassem aos seus filhos.
Assim eles também porão a sua confiança em Deus; não esquecerão o que ele fez e obedecerão sempre aos seus mandamentos.
Eles não serão como os seus antepassados, um povo rebelde e desobediente, que nunca foi firme na sua confiança em Deus e não permaneceu fiel a ele.
Os homens da tribo de Efraim, armados com arcos e flechas, fugiram no dia da batalha.
Os israelitas não cumpriram a aliança que Deus havia feito com eles e não quiseram obedecer à sua lei.
Esqueceram os milagres que ele havia feito na presença deles.
Diante dos seus antepassados, Deus realizou milagres na planície de Zoã, na terra do Egito.
Ele dividiu o mar e levou os israelitas pelo meio dele; ele fez com que as águas se levantassem como muralhas.
Durante o dia, ele os guiava com uma nuvem e de noite os conduzia por meio de um clarão de fogo.
Ele partiu rochas no deserto e das profundezas da terra tirou muita água para o povo beber.
Fez com que nascessem fontes na rocha e que água corresse como um rio.
Mas os nossos antepassados continuaram a pecar contra Deus; eles se revoltaram no deserto contra o Altíssimo.
De propósito, puseram Deus à prova, pedindo a comida que queriam.
Falaram contra ele, dizendo: “Será que Deus pode nos dar comida no deserto?
É verdade que ele partiu a rocha e que a água começou a correr como um rio.
Mas será que ele pode nos dar pão?
Será que pode fornecer carne para o seu povo?”
Quando o SENHOR Deus ouviu isso, ficou furioso.
Ele atacou o seu povo com fogo, e a sua ira contra eles aumentou porque não confiaram nele e não acreditaram que ele os poderia salvar.
Porém Deus deu ordem ao céu lá em cima e mandou que as suas portas se abrissem.
Ele deu ao povo pão do céu, fazendo com que caísse o maná para eles comerem, e assim comeram o pão dos anjos.
Deus lhes deu comida com fartura.
Depois ele fez soprar do céu o vento leste e pelo seu poder agitou o vento sul.
Sobre o povo fez cair tantas aves, que pareciam nuvens de pó ou os grãos de areia de uma praia.
As aves caíam no meio do acampamento, em volta das barracas.
Então os israelitas comeram e ficaram satisfeitos, pois Deus lhes deu o que eles queriam.
Mas, enquanto estavam comendo, antes mesmo de ficarem satisfeitos, Deus ficou irado com eles e matou os homens mais fortes, os melhores jovens de Israel.

As + "Como Águia me Renovo"