Translate

Pessoas Inteligentes

quarta-feira, 21 de outubro de 2015

Advogada usa Bíblia em TCC e recebe homenagem na Itália


A advogada de Bauru (SP) Renata Cezar, de 26 anos, abriu a Bíblia para fazer sua meditação semanal quando recebeu um sinal de Deus para o tema de seu Trabalho de Conclusão de Curso (TCC).

Ao ler o Livro Sagrado ela se deparou com o capítulo 13 do livro de Hebreus que tem como título “Os direitos sociais” e assim definiu sobre o que iria dissertar no TCC.

“Aquilo foi o suficiente. Peguei minha constituição e vi o artigo 6º que prevê todos os direitos sociais”, disse ela que não só conseguiu a nota máxima como também foi indicada para a iniciação científica e mais tarde indicada para receber na Itália a “Il Merito Giuridico di Visitatori – autori internazionali”.

Renata e outros 49 brasileiros foram indicados para receber a medalha que reconhece quem contribui com a paz, as relações sociais e os valores da humanidade. A entrega do reconhecimento foi feita na quinta-feira passada (15) durante o Encontro Internacional de Autores Jurídicos.

O trabalho de Renata foi intitulado de “Direitos Sociais Frente ao Princípio da Proibição do Retrocesso Social (PPRS)”, o foco foi a defesa dos direitos a saúde, educação e moradia que estão previstos no artigo 6º da Constituição.

“O sistema jurídico no Brasil é falho, pois não temos medidas de eficácia e eficiência. Temos leis, mas não temos como aplicá-las”, afirma a advogada.

“O que falta hoje é uma população que tenha ciência dos seus direitos e do que ela tem que fazer para consegui-los. Eu não estou escrevendo para juristas, mas para a população, esse é o meu papel. Não quero pensar que alguém morreu porque o sistema de saúde é falho e a Justiça não faz sua parte obrigando o SUS que atenda quem precisa.”

O artigo foi escrito em 2011 e estar na Itália foi um sonho para a advogada brasileira. “São oito anos de dedicação em estudos. Conseguir registrar um artigo meu em uma universidade da Itália, um dos berços do direito, é fantástico. Sou muito grata a Deus”, disse.

“Mais do que achar um TCC na Bíblia, ter tirado 10, receber uma condecoração na Itália, o que me motiva a estudar, publicar e divulgar para a população, é a esperança de vida digna. Afinal, é para isso que o direito serve, para amparar quem precisa”, afirmou ela em entrevista ao G1.

Fonte: GOSPEL PRIME com informações do G1 Notícias

As + "Como Águia me Renovo"